Futebol

Na estreia, Alvinegro busca empate fora de casa

Com dois gols, Rodrigo salva equipe piracicabana de derrota para o Rio Preto

Rio Preto e XV de Piracicaba empatam em 2 a 2 no Campeonato Paulista da Série A2
XV volta a campo na quarta-feira, contra o Sertãozinho, no Barão (Foto: Johnny Torres/Diário da Região)

O XV de Piracicaba começou a estreia no Campeonato Paulista da Série A2 com dois gols de desvantagem, mas conseguiu buscar o empate. A primeira partida do Nhô Quim em 2017 terminou em 2 a 2, diante do Rio Preto, no estádio Anísio Haddad. O zagueiro Rodrigo anotou os dois tentos do Alvinegro, enquanto Fágner e Luís Fernando balançaram a rede pela equipe mandante. O time quinzista voltará a campo na quarta-feira (1º), às 20h, contra o Sertãozinho, no Barão da Serra Negra.

Os dois gols do Rio Preto foram de pênalti, depois de marcações contestadas pelo XV. Nos dois lances, a arbitragem apontou toque de mão de Samuel e Rodrigo, respectivamente. Fágner abriu o placar aos 37min do primeiro tempo, enquanto Luís Fernando ampliou a vantagem da equipe da casa aos 6min do segundo tempo.

Rodrigo diminuiu a diferença aos 18min, em cabeceio após cobrança de escanteio de Romarinho. Aos 37min, o defensor se lançou novamente ao ataque, aproveitou sobra na área e, de pé direito, deixou tudo igual.

“Infelizmente, ele (o árbitro Rodrigo Gomes Paes Domingues) não teve muito critério na marcação das faltas e acabou sendo um pouco caseiro. Isso dificultou as coisas para nós, mas os atletas mostraram mais uma vez que não desistem nunca, conseguiram buscar o resultado e, por isso, estão de parabéns”, disse o técnico do Nhô Quim, Cléber Gaúcho.

FICHA TÉCNICA

Escudo do Rio Preto

 RIO PRETO

Murilo Prates; Cleiton Savedra, Gustavo Carbonieri, Alexandre Moraes e Gleidson (Lucas Piauí); Guilherme Noé, Ewerton, Wágner e Luís Fernando (Danilo Pereira); Fágner (Wlanger) e Bruno Nunes. Técnico: Luciano Dias

Esporte Clube XV de Piracicaba

2  XV DE PIRACICABA

Mateus Pasinato; Zé Mateus, Rodrigo, Doni e Samuel (Bruninho); Maranhão, Clayton e Gilsinho (Barreto); Samoel Pizzi, Rafael Gomes e Romarinho (Bruno Aquino). Técnico: Cléber Gaúcho

Gols: Fágner (RPR) aos 37min/1ºT; Luís Fernando (RPR) aos 6min, Rodrigo (XV) aos 18min e aos 37min/2ºT | Árbitro: Rodrigo Gomes Paes Domingues | Cartões amarelos: Guilherme Noé e Rafael (RPR); Romarinho, Samuel e Bruno Aquino (XV) | Público:  1.091 pagantes | Renda: R$ 18.190,00

Início