Jiu-Jitsu

Irmãos Borges vencem torneio em Campinas

Kampfer Fight é adiado por choque de datas com outras competições

André Cavalcanti, atleta de jiu-jitsu de Piracicaba
André Cavalcanti é o responsável pelas aulas no projeto Generoso BJJ (Foto: Arquivo Pessoal)

Duas jovens promessas do esporte piracicabano, reveladas pelo projeto Generoso BJJ (sigla em inglês para jiu-jitsu brasileiro) conquistaram na manhã deste sábado (30), em Campinas, a medalha de ouro na Premium Cup. Os irmãos Felipe e Rafael Borges venceram duas lutas cada para ficarem com o título. O faixa preta André Cavalcante é o responsável pelas aulas no projeto social.

Rafael Borges, de 11 anos, foi o campeão na categoria infantil B pesadíssimo (faixa laranja). O atleta piracicabano fez duas lutas – ganhou uma por finalização e outra por pontos. Já Felipe, de apenas 8 anos, foi avassalador no tatame: competindo na categoria infantil A leve (faixa amarela), ele venceu os dois combates que fez por finalização. “Estou muito feliz com os resultados, é fruto de um projeto sólido. Os dois meninos foram muito bem, não deram qualquer chance aos adversários”, disse Cavalcante.

ADIADO

O Ginásio de Lutas e Artes Marciais do bairro Jaraguá deveria receber na manhã deste domingo (31) a primeira edição do Kampfer Fight. Porém, o torneio de jiu-jitsu foi adiado para o dia 24 de abril. De acordo com a empresa que organiza o evento, a razão da mudança foi o choque de datas com outros torneios da modalidade. As inscrições para o evento serão reabertas a partir de segunda-feira (01).

“Os motivos foram que muitas categorias tinham apenas um ou dois inscritos. Devido ao conflito de datas com eventos já renomados, o nosso foi prejudicado. Poderíamos fazer o evento da mesma forma, porém, pensando nos atletas, resolvemos adiar”, afirmou Josef Borges, diretor-presidente da Kampfer Sports Management.

Início