Futebol

Invicto há 7 jogos, Piza descarta poupar time

Treinador já pensa na Ferroviária; diretoria confirma interesse em Rodrigo

XV de Piracicaba
O XV de Piracicaba não perde há sete jogos na Copa Paulista (Foto: Mauricio Bento/Líder Esportes)

Com a vitória sobre o Velo Clube no último sábado (2), o XV de Piracicaba reassumiu a liderança do Grupo 1 da Copa Paulista, com 23 pontos conquistados e aproveitamento de 76,7%, o melhor da competição. Desfalcado, o Alvinegro conseguiu manter a sequência positiva e chegou a sete partidas de invencibilidade, com seis vitórias e um empate. “Gabriel Tonini e Pablo Rocha responderam bem, apesar do nosso início de jogo desatento. O Léo (Carvalho) e o Maikon (Aquino) também entraram e achei que perderíamos o conjunto no início, por não ter treinado assim, mas a equipe se encontrou e começou a controlar o jogo”, disse o técnico Evaristo Piza.

“Não conseguimos abrir o placar no primeiro tempo, pontuamos algumas coisas no intervalo e voltamos mais equilibrados, errando menos, e conseguimos dois gols com o Léo Carvalho, em méritos individuais. Independente do Velo Clube ser uma equipe mais nova e estar em último lugar, nosso time respeitou e jogou com imposição, querendo ganhar o jogo e voltar a liderança”, completou o treinador do XV de Piracicaba. Em caso de vitória contra a Ferroviária, no próximo sábado (9), no Barão da Serra Negra, o Alvinegro garante matematicamente a primeira colocação do Grupo 1.

Ciente da importância da partida, Piza não pensa em poupar atletas para o confronto. “Esse jogo é fundamental para as pretensões do XV terminar como líder do grupo. Vou usar o que tenho de melhor, pois vale a liderança da chave. Depois, para uma situação contra o Linense, a gente pensa”, afirmou Piza. Antes de encarar a Ferroviária, o Alvinegro realizará um jogo-treino contra o Guarani, que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro. A partida será realizada nesta terça-feira (5), às 15h, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

RODRIGO

Com baixas na defesa, o XV busca um novo zagueiro para a sequência da Copa Paulista. A diretoria corre contra o tempo para acertar com Rodrigo, campeão em 2016 pelo Nhô Quim. Na segunda fase, o clube poderá substituir quatro atletas antes do dia 21 de setembro. “Com a cirurgia do Lucas Cunha e a fratura sofrida pelo Hugo, precisaremos de mais um zagueiro. Estamos analisando algumas opções que se adequem às possibilidades. Por ser um jogador que nós conhecemos e que é identificado com o clube, o Rodrigo nos interessa”, confirmou Beto Souza, gerente de futebol do XV.

Início