Opinião

Hora da verdade!

Sem o XV de Piracicaba, o Campeonato Paulista entra na “hora da verdade”. Os oito classificados – Corinthians, Red Bull, Santos, São Bento, Palmeiras, São Bernardo, São Paulo e Audax – buscam, no sistema mata-mata, o título do maior e melhor torneio estadual do país. O Corinthians, sem dúvida, é favorito contra o Red Bull Brasil. Foi o melhor da primeira fase e, apesar de enfrentar uma equipe bem postada e com o artilheiro da competição, Roger, não deve encontrar resistência por parte do time de Campinas.

O maior trunfo do Santos, além da jovem e ótima equipe, é a Vila Belmiro. O caldeirão da Baixada impõe pressão sobre os adversários, que tremem quando jogam lá. O Peixe terá rival complicado pela frente – pela tradição e qualidade do São Bento -, mas classifica às semifinais. Apesar dos altos e baixos, o Palmeiras deve passar pelo time do ABC Paulista. O técnico Cuca, finalmente, está conseguindo dar rumo ao Alviverde, que engatou a série de quatro partidas sem derrotas – três vitórias e um empate – e cresce no momento certo do Paulistão.

O confronto mais complicado para os grandes é o do São Paulo. Apesar da volta da boa fase na Libertadores, após bater o River Plate, o time tricolor vem tropeçando contra os pequenos neste Paulistão. Além disso, o Audax fez grande primeira fase. Para não ficar em cima do muro, aposto no Audax, que jogará em casa. Com os possíveis classificados, as semifinais seriam formadas por dois grandes jogos: Santos e Audax; Corinthians e Palmeiras, que atuariam na Arena Corinthians, relembrando as semifinais do ano passado. A final, neste cenário, pode ser novamente entre Santos e Palmeiras, assim como em 2015. Vamos conferir!

Erivan Monteiro é jornalista e cronista esportivo

Início