Tiro com Arco

Gibi disputa seletiva para Mundial da modalidade

Atleta chega a São Paulo, sede do evento, um dia antes para treinar com rivais

Gibi Fernandes, atleta de tiro com arco de Piracicaba
Gibi disse estar confiante em bom resultado na seletiva para Copa do Mundo (Foto: Arquivo Pessoal)

Gibi Fernandes, comandante da equipe Arqueria Piracicaba/Selam, já está na cidade de São Paulo, onde disputará a seletiva para uma das fases do Copa do Mundo de Tiro com Arco neste sábado (27) e domingo (28). O atleta chegou ao município hoje e realizou um treino com outros participantes do evento na Vila Olímpica Mário Covas, local da competição.

A seletiva ocorre na Vila Olímpica Mário Covas, neste fim de semana

Segundo ele, havia cerca de 15 arqueiros na atividade coordenada pela FPAF (Federação Paulista de Arco e Flecha). O torneio conta com aproximadamente 40 inscritos, que foram convocados pela CBTARCO (Confederação Brasileira de Tiro com Arco) – o restante desembarcará na capital paulista apenas para o certame. “Já vim hoje para adiantar o treino. Estou esperançoso para que eu tenha um resultado favorável”, disse Gibi ao LÍDER.

No campeonato, o atleta representará o Círculo Militar de Campinas. A seletiva vale duas vagas na etapa mundial de Medellín, na Colômbia, e três lugares no Campeonato das Américas, em San José, na Costa Rica. O evento global acontecerá de 10 a 15 de maio, enquanto o certame pan-americano ocorrerá entre 24 e 30 de junho. Se os vencedores da seletiva não atingirem os índices, a comissão técnica terá a opção de levá-los ou não à Copa do Mundo – isso não se aplica quanto à classificação para o Campeonato das Américas.

Gibi também foi chamado para as seletivas de Goiânia (GO), nos dias 23 e 24 de abril, e de Belo Horizonte (MG), de 16 a 17 de julho. A primeira dá vaga na etapa de Antalya, na Turquia, que será realizada entre os dias 13 e 19 de junho. Já a segunda é classificatória para a quarta fase da Copa do Mundo, marcada para setembro. Neste ano, o piracicabano tem como meta principal ficar nas três primeiras posições do ranking nacional e, assim, conseguir o Bolsa-Atleta.

Início