Humor

Força, Fabigol!

Destemidos e valentes, eita frio do escambau. Tô vendo que vô tê de levá coberta na casa de papai pra vê a molecada do Grébi Gaúcho jogá a Copinha. Ô coisa boa vê meu XV! Saudades já! Onte eu dei um pinote no Parque Prezotto pra matá saudade da zebrada com as mina do futsal. Perdeu? Perdeu! Mas pelo menos tinha vontade. E um torcedor gritou pra goleira do time de Limeira: ‘Sai desta vida e entra no meu coração!’ Cê tinha que vê a cara da atreta – alô Renatinho, fica a homenage! E no canto da quadra alguém deve ter falado: ‘Jogamo como nunca e perdemo como sempre’. Ô identidade maldita do basquete, futebol e agora futsal. Desistir? Fiapo!

E as contratação do Beto Souza? O tio é um femônemo. Já tão falando em milagre do Beto. A multipricação dos reforço. Trouxe 45 jogadô em 15 dia. Se presta? Sei lá! Que meu papel é de torcedô, não de contratadô. E a parceria com o Palmeiras? O XV contratô dois gêmeo e os moleques desistiram antes de vim. Qual o nome do filme? A volta dos que num foi! Achô ruim? É que ocê num viu Toledo e Joel Júnior. Ô lembrança! Fuço! E a seleção do parcero Alvinho Souza? Joga no 4-4-4! Deu 12? Dá 14 se contá os dois golero!

Mas deixa o lero-lero pra lá. Vô falá de coisa séria. Cê tem fé? Dá aquela rezada pro Fábio Santos. Fabigol é  menino bom, gente da gente. O nosso último camisa 9 que botava medo nos béque dos rival tá se recuperano de AVC. Ferrerão pediu cinco Pai Nosso pra num caí? Reza dez pro Fábio Santos continua com nóis. E vai continuá, porque Papai do Céu é quinzista. Mas deixa eu pegar o busão que o hoje de ontem era amanhã. Não entendeu? Nem eu! Porque aqui é XV e nós vamos sempre pra frente, outra vitória conquistar. Como diz o nosso hino!

Joaquim da Serra Negra é filho do Barão, torcedor fanático do XV e ficou feliz com a saída de Renato Bonfíglio

Início