Automobilismo

Evento termina com três novos recordes no ECPA

Novos registros ocorreram na turbo traseira B, dianteira turbo C e drag júnior B

Festival ECPA de Arrancada
As arrancadas voltam à pista do ECPA no próximo mês de março (Foto: ECPA/Divulgação)

A 11ª edição do Festival ECPA de Arrancada terminou neste domingo (31)  no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo. O evento, que atraiu pilotos de Brasília (DF), Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina, inaugurou o calendário nacional da modalidade em 2016. Logo na abertura da temporada, foram estabelecidos três novos recordes nas categorias turbo traseira B, dianteira turbo C e drag júnior B. “A equipe de tratamento de pista trabalhou muito bem para deixar o asfalto em condições de grip satisfatórias”, afirmou a organizadora do evento, Daniella Giannetti.

A primeira etapa do Campeonato ECPA de Arrancada de 2016 está agendada para ocorrer nos dias 13, 14 e 15 de março

Na divisão turbo traseira B, Peterson Forti Bueno baixou a marca três vezes durante o evento e estabeleceu, ao final da quarta puxada, o tempo de 5s762. Bueno atingiu 200 km/h com o próprio Chevett. “O fim de semana só não foi perfeito porque o equipamento quebrou na final, mas estou muito contente, pois o carro estreou com recorde e consegui baixar ainda mais o tempo em outras duas vezes. Foi um excelente começo de temporada”, avaliou o piloto de Limeira. A vitória, entretanto, ficou com Vinicius Alexandre Rodrigues. Confira aqui a lista com os vencedores de todas as categorias.

CALENDÁRIO

Após o festival, a modalidade volta à pista do clube piracicabano em março, quando tem início o Campeonato ECPA de Arrancada 2016. A primeira etapa está agendada para os dias 13, 14 e 15 de março, de acordo com a programação divulgada pela organização. “Já divulgamos nosso calendário para essa temporada. E, como manda a tradição, serão cinco etapas ao longo do ano”, informou Daniella Giannetti.

Início