Futebol

Desempenho ‘entristece’ Claudinho Batista

Segundo treinador, apresentação contra Caldense foge do padrão quinzista

Claudinho Batista, treinador do XV de Piracicaba
Claudinho não escondeu a insatisfação (Foto: Líder Esportes)

Assim como a torcida quinzista, o técnico Claudinho Batista não gostou do que o Nhô Quim apresentou no jogo-treino contra a Caldense-MG, neste sábado (23). O XV de Piracicaba empatou por 0x0 com o time mineiro em duelo realizado no estádio Barão da Serra Negra. Em entrevista coletiva, o treinador disse que o desempenho da equipe na partida o “entristece” e destacou a deficiência do Alvinegro no toque de bola.

“Essa apresentação me entristece, foge bastante do nosso padrão. Soubemos controlar no início, mas pecamos bastante em não transferir essa pressão. O que aconteceu foi bastante triste, principalmente pelo lado técnico. Erramos muitos passes e, quando acontece isso, fica difícil de chegar à frente. Como tivemos muitas dificuldades, temos a missão de arrumar tudo nesta semana”, disse. Por outro lado, o comandante viu evolução tática no time.

A partir de segunda-feira (25), os treinos serão direcionados para o confronto diante do Corinthians, já pelo Paulistão. O jogo está marcado para domingo (31), às 17h, na Arena Corinthians, e marca a estreia do XV no campeonato estadual. “Jogaremos diante de um clube que dispensa comentários. Temos que ser mais inteligentes, compactos, brigar mais pela posse de bola e roubá-la mais rapidamente”, ressaltou.

PREOCUPAÇÃO

No primeiro tempo da atividade, após choque com o adversário, o meia Gerson Magrão sofreu um trauma na costela e virou motivo de preocupação para a comissão técnica. O atleta seria titular contra o Corinthians, mas, se não tiver condições de jogo, deverá ser substituído por Aloísio. “Espero que se recupere, mas é um pouco preocupante a situação dele”, afirmou Claudinho Batista.

Início