Lutas

De bem com a vida, Jampa quer título inédito

Piracicabano volta aos treinos e faz planos para o segundo semestre do ano

Jampa Leibholz, lutador de kickboxing da academia Chock Dee
O professor Jampa Leibholz comanda a equipe da academia Chock Dee (Foto: Arquivo Pessoal)

Jampa Leibholz não esconde o entusiasmo. Com o início do calendário competitivo no segundo semestre, o atleta e treinador da academia Chock Dee faz planos para a sequência da temporada. Além de dar continuidade à metodologia de trabalho desenvolvida para e equipe, que consiste na divisão do treinamento para cada modalidade e trouxe títulos no boxe chinês, kickboxing e muay thai na primeira metade do ano, o piracicabano vislumbra a conquista de um objetivo pessoal: o inédito ouro sul-americano de kickboxing. A competição tem início dia 30 de novembro e não será mais realizada no Uruguai. A nova sede é Foz do Iguaçu (PR). Confira a entrevista:

GRUPO

“O segundo semestre começou bem. Houve uma melhora no fluxo de alunos na academia, alguns ex-alunos estão voltando a treinar conosco. No início do ano, o número diminuiu um pouco, reflexo da crise econômica, mas agora está melhorando gradativamente e acredito que a tendência seja essa daqui para frente. No total, temos cerca de 80, 90 alunos, divididos em sete turmas. Entre eles, estão os atletas de competição”.

RETOMADA

“O Hamilton (Jesus, lutador) está em férias, volta a treinar ainda neste mês. Já o Paulo (Henrique Camolesi, lutador) está treinando, retomando aos poucos. Nós estamos aguardando a confirmação dele para voltar mais firme em um evento que deve ocorrer no mês de outubro, isso no muay thai. Oficial, por enquanto, temos o Campeonato Paulista de boxe chinês, em setembro. Vamos participar e existe a possibilidade da estreia da atleta Fernanda Scanholato”.

CARREIRA

“Vou continuar lutando. No kickboxing, provavelmente devo seguir com as três categorias (kick light, light contact e full contact). O mês de julho foi focado no trabalho relacionado à academia, com algumas situações para resolver. Não treinei como gostaria. Volto a treinar em agosto e a parte física será acompanhada pela preparadora Flávia Bombo, pelo pessoal do Gato Preto Cross-Fit. Estou motivado”.

OBJETIVO

“O maior objetivo, claro, é o Sul-Americano, competição que eu ainda não ganhei. Lutei em 2015, mas perdi a final para um argentino. A meta é vencer o Sul-Americano no full contact (60 kg). A mudança do local para o Brasil deve aumentar o número de atletas, mas isso não muda muita coisa na preparação. Nós temos que treinar forte, pois conhecemos quais serão os adversários. Vamos nos preparar de acordo com o que vamos encontrar”.

*A academia Chock Dee está localizada à rua 13 de maio, 474, Centro. Mais informações pelo telefone (19) 3042.8099 ou pelo site www.academiachockdee.com.br.

Início