Lutas

Chock Dee inicia nova metodologia de trabalho

Treinamentos divididos por modalidade e bem-estar são os novos pilares

Jampa Leibholz, lutador da academia Chock Dee
Jampa: nova metodologia e busca de conhecimento no primeiro trimestre (Foto: Líder Esportes)

A academia Chock Dee deu início em 2017 ao planejamento que inclui a nova metodologia de trabalho desenvolvida para os atletas da equipe. A estratégia pensada pelo treinador Jampa Leibholz é a divisão do treinamento por modalidade: boxe chinês, kickboxing e muay thai. De acordo com Jampa, o desempenho nas próximas competições é que dirá se o método implementado neste primeiro trimestre deu resultado ou não. A expectativa, entretanto, é de evolução em relação à última temporada.

A expectativa é de melhores resultados em relação ao ano passado, diz Jampa

“Nós estamos fazendo trabalho técnico, mas mudamos a parte tática visando as competições. Nós separamos por modalidades, fizemos a adaptação para cada um dos atletas. Estamos aguardando o início do calendário para avaliar se a mudança surtiu efeito ou não, mas acreditamos que o trabalho está sendo bem realizado. A expectativa é de melhores resultados em relação ao ano passado”, disse Jampa, que entre março e abril participará de três seminários.

No dia 23 de março, o piracicabano viaja para Araçatuba, onde acompanha o curso de kickboxing. Três dias depois, Jampa vai a São Paulo para participar do seminário com Adaílton Freitas e Cosmo Alexandre, campeão mundial de muay thai. “Quero aprofundar as técnicas, principalmente a questão do clinch, do joelho. É sempre importante reforçar conhecimento”, disse. No dia 9 de abril, o treinador realiza um curso de boxe chinês, visando o trabalho de desenvolvimento e bloqueio de quedas.

Perguntado sobre o planejamento pessoal no que diz respeito às competições, Jampa estabeleceu duas metas: a busca pelo bicampeonato do Pacífico Open e a tentativa de conquista do Sul-americano de kickboxing, na modalidade full contact. “Eu gostaria de voltar ao Equador em julho e disputar novamente o Pacífico Open, é uma ideia. No fim do ano, tem o Sul-americano no Uruguai. É um evento em que fui derrotado em 2015 e isso me deixou frustrado, está engasgado. A princípio, é uma competição que eu gostaria de ir”, admitiu.

Além do trabalho voltado para os atletas, Jampa também prioriza as aulas recreativas na Chock Dee. “A metodologia que usamos aqui para os atletas de competição é diferente do treino recreativo. A maioria das pessoas não quer competir. Nós buscamos respeitar a filosofia da luta, dentro do respeito e a limitação de cada um. A luta inibe a aparição de inúmeros problemas de saúde, além de ser uma atividade em que o gasto calórico é alto. Nós buscamos, acima de tudo, a qualidade de vida e o bem-estar físico e mental”, completou.

SERVIÇO

A academia Chock Dee está localizada à rua 13 de maio, 474, Centro. Mais informações pelo telefone (19) 3042.8099 ou pelo site www.academiachockdee.com.br.

Início