Canoagem

Ascapi briga pelo título brasileiro no Paraná

Piracicaba chega a Foz do Iguaçu embalada pelos recentes resultados

Arthur e Bruno Cataldo, atletas da equipe de canoagem da Ascapi
Os irmãos Arthur e Bruno Cataldo chegam em boa fase ao Campeonato Brasileiro (Foto: Arquivo Pessoal)

Embalada pelos recentes resultados na Copa do Brasil, Pan-americano e Sul-americano, a Ascapi/Selam (Associação de Canoagem de Piracicaba) está em Foz do Iguaçu (PR) para a disputa do Campeonato Brasileiro. A competição começou nesta sexta-feira (28), com as disputas válidas pela Segunda Divisão, e se encerra no próximo domingo (30). O grupo piracicabano, comandado pelo técnico Gustavo Gozzo e pelo auxiliar Leonardo Bueno, viajou para o Paraná com 13 atletas, cinco deles na divisão de acesso e oito na elite, além de cinco integrantes do departamento de arbitragem.

“Estamos em boa forma e preparados para as dificuldades do rio artificial localizado em Foz do Iguaçu. Depois de ótimos resultados na temporada, o Campeonato Brasileiro é o principal evento nacional do ano para nós”, disse o treinador. Entre os canoístas que representam Piracicaba na Segunda Divisão, destaque para a revelação Lucas Moreton, que disputa as categorias C1 (canoa individual), C2 (canoa dupla) e K1 (caiaque individual) menor. Vinícius Assarice também está escalado para as mesmas categorias.

Ainda na divisão de acesso, a Ascapi terá as presenças de Nicholas Kim Orsi (K1 e C1 menor), e dos irmãos Pedro e Igor Albino, que vai remar nas categorias C1, C2 e K1. Na Primeira Divisão, Gustavo Gozzo e Thiago Diniz remam no torneio máster, enquanto Pedro Aversa e Thiago Serra competem na C1 e C2. Denis Quellis, outro nome importante da equipe, vai competir na C1. Já os irmãos Arthur e Bruno Cataldo remam na C1 e C1 – ambos conquistaram, ao lado de Quellis, o Pan e o Sul-americano deste ano. A lista dos atletas escalados pela Ascapi para a competição é completada por William Ferraz, na classe K1 sênior. Na arbitragem, Piracicaba será representada por Camila Breve, Denis Terezani, Giovana Bottene, Graziela Brieda e Marcela Teixeira.

Início